Terça-feira, 5 de Fevereiro de 2008

Que É De Ti

(Ana Zanatti / Dina)

Eras puro-sangue, leziria em flor
Minha eterna amante, distante amor
Não esqueci a tua pele salgada
Nem o mar que nos traçou a estrada
Que é de ti doce miragem meu veleiro de ilusões
Soltei velas da memória Naveguei p'la vida fora preso ao mastro das recordações.


Eras terra cinza, lava ardente o fogo em mim que é de ti
Ilha dos amores sonho sem fim
Perguntei ao vento em que redes te prendeu que é de ti
Não me respondeu riu-se de mim.


Eras maré cheia dos meus ideais
A paz e a bonança de temporais
Catedral da minha fantasia
Desenho o teu rosto em cada dia
Que é de ti dá-me um sinal lá donde estás
Ai a saudade nem com o tempo amansa
Não morreu a esperança
Eu não encontro paz

Eras terra cinza, lava ardente o fogo em mim que é de ti
Ilha dos amores sonho sem fim
Perguntei ao vento em que redes te prendeu que é de ti
Não me respondeu riu-se de mim.

tags:
publicado por zonaDINAmica às 11:06
link do post | DINAmizar

zonaDINAmica

Clube Oficial de Fãs da Cantora e Compositora Dina
 

 

NOTAS:

a) Para uma maior comodidade, utilizar o MENU abaixo na navegação.

b) Se gosta da música da DINA participe activamente neste Blog, clicando em 'DINAmizar', e leia as participações de outros fãs, em 'DINAmizações' (ao fim de cada texto). Deixe a sua pegada no nosso LIVRO DE VISITAS e entre no Clube Oficial de Fãs de DINA (clicar em CONTACTOS)

 

 

 

MENU

FACEBOOK zDm
DESTAQUES
AGENDA
SOBRE O ZDM
BIOGRAFIA
DISCOGRAFIA
LETRÁRIO
FOTOS
ARTIGOS
MULTIMÉDIA
EXTRAS
VARIEDADES
LIGAÇÕES
CONTACTOS
PARCEIROS
LIVRO DE VISITAS

Músicas: DINA 2008


Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO

subscrever feeds